segunda-feira, 26 de setembro de 2011

Meu doce é o amargo da minha maneira


Então venha chuva, venha sol,
venha sal, venha açúcar,
venha brutalidade, venha frágil, venha estúpida .
Canto e danço teu ritmo com ou sobre você e  te chamo para o meu.
Fique livre e escolha. Eu não me importo, sei que se for embora volta.