quinta-feira, 10 de janeiro de 2013

e agora vai  rasgando
 nao sabemos mais das coisas.
apostas feitas

tudo para trás...
algo se desenhando lá na frente.
nao vemos
nao ouvimos
nao pense que voce sabe.

aquilo que ficou se foi
segure o que aí está,
não eu.

já fui,
voltei,
arrependi .
e agora é só futuro que eu vejo.
Não espera, nem eu sei.