sexta-feira, 4 de junho de 2010


Não estou mentindo quando lhe faço juras! Se isso fosse as tardes mornas de tantos domingos também teriam sido falsas, os dias chuvosos e frios passados com você debaixo do cobertor não teriam sido quentes sem a tua presença, e os dias de céu azul límpido, andando na praia de mãos dadas contigo, feito hoje,ouvindo tuas palavras, tuas frases exageradas que me fazem...sentir alegria. Nada disso teria sentido sem ti.
Tão bonita é a nossa história, e o caminho que já percorremos juntos. E neste dia de pura estabilidade vens me falar em medo de solidão!
Saiba que o meu desejo mais forte é que esse sentimento que há entre nós jamais acabe, para que eu possa permanecer eternamente ao teu lado, te fazendo companhia. Não vou te abandonar, você não vai conhecer a solidão por intermédio meu, porque não irei permitir. Vou te dar esse doce e puro amor por toda vida e a minha companhia para todo sempre.
Aqui! Pare aqui comigo, levante os braços se sinta a brisa lhe tocando a face e deixe que ela leve a tua preocupação em um rumo contrário ao nosso. Agora não se preocupe, eu estarei aqui...por toda vida. Eu até acho que estou mais do teu lado que você.


Para o projeto sílaba Tônica 2ª edição - Imagem com frase.


A.R.